Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home | Noticias | Blog PHD | Charges | Colunistas | Competicoes | Especiais | 

Cruzeirenses pelo Mundo | Torcedor do Futuro | Servicos | Quem Somos 

*** AVISO - Se sua SENHA não estiver funcionando, peça uma nova que será enviada para seu e-mail - Se seu e-mail atual não estiver cadastrado, CADASTRE ***

 Acesso mais recente em 26-05-20 09h46min  |  Fonte: Portal UAI |  Qtd Leituras: 438
Cruzeiro Feminino é vice-campeão Brasileiro da categoria A-2


O Cruzeiro empatou por 1 a 1 com o São Paulo na tarde deste domingo e perdeu o título da Série A2 do Campeonato Brasileiro Feminino. O resultado da final no Sesc Venda Nova, em Belo Horizonte, não foi suficiente para tirar o título do time tricolor, que venceu o jogo de ida por 4 a 0.

O São Paulo construiu larga vantagem no jogo de ida, disputado no último domingo. No Pacaembu, Bruna e Yaya foram às redes no primeiro tempo. Na etapa complementar, Valéria e Cris garantiram a goleada por 4 a 0.


O jogo

A partida começou equilibrada. Em busca da improvável reviravolta, o Cruzeiro tentava pressionar, mas esbarrava no bom posicionamento defensivo do São Paulo.

Aos poucos, as mandantes ganhavam campo e começavam a criar mais. Foi quando, aos 29’ do primeiro tempo, a arbitragem assinalou pênalti de Bruna em Miriã.

Na cobrança, Duda - a artilheira do campeonato - bateu para a defesa de Carla. A arbitragem mandou volta, por entender, equivocadamente, que a goleira são-paulina se adiantou. Na segunda tentativa, a jogadora cruzeirense abriu o placar: 1 a 0.

Nos minutos seguintes, a partida ficou mais aberta. O São Paulo quase empatou com Ary, mas o desvio de cabeça foi para fora. No finalzinho do primeiro tempo, Kim ficou perto de ampliar para o Cruzeiro, mas acertou o travessão.

Na etapa final, o ‘banho de água fria’ veio aos 7’. Ottilia aproveitou cruzamento na medida de Ary e só escorou para as redes: 1 a 1.

Daí em diante, o ritmo da partida caiu - pelo forte sol e também por conta da estratégia de jogo do São Paulo, que passou a jogar melhor.

O Cruzeiro até teve outras boas oportunidades - em especial uma com Vanessa, que desperdiçou cara a cara com a goleira Carla -, mas não conseguiu ficar à frente. No fim das contas, título conquistado pelo São Paulo


Campanha celeste

Na caminhada até o vice-campeonato, o Cruzeiro venceu dez jogos, empatou um e perdeu apenas dois. Foram impressionantes 36 gols marcados e 11 sofridos.

Na primeira fase, integrou o Grupo 5 e avançou para o mata-mata na segunda colocação, com 12 pontos - três a menos que o líder Taubaté.

Nas oitavas de final, passou pelo Pinheirense com duas vitórias. Em seguida, eliminou Ceará nas quartas e Grêmio na semifinal, também com triunfos dentro e fora de casa.

Contra o São Paulo, foi goleado no jogo de ida por 4 a 0. Na volta, o empate por 1 a 1 não foi suficiente para garantir o título.

Além de São Paulo e Cruzeiro, outros dois times conseguiram vagas na elite do futebol feminino nacional em 2020: Palmeiras e Grêmio, eliminados nas semifinais respectivamente pelo campeão e vice.

/elo


Cruzeiro.Org - 25 anos

Comentrios:  Clique aqui e deixe o seu comentrio

 pyxis | BHZ | 26-08-19 10h28min
O Cruzeiro teve bom time para subir de divisão. Não tinha time e elenco para ser campeão. O futebol feminino A-2 no Brasil é incipiente e quase juvenil.
Estão todos(as) de parabéns.
Entretanto, as ´cabulosas`terão que se reforçar com jogadoras ´cascudas` no time principal. Uns 3 ou 4 valores existentes nesta equipe precisam de experiência, URGENTEMENTE. Se não for assim, a série A-1 no ano que vem vai ser #TERRÍVEL !
#FicaaDICA
 alan | Belo Horizonte | 26-08-19 14h40min
Concordo Pyxis. O vice-campeonato foi de certa forma um prêmio pela luta destas meninas. Vimos de perto o esforço que é lidar com uma competição com pouco prestígio mas que está ganhando atenção a cada novo ciclo. As cabulosas são esforçadas. Nos reforços que você comenta vamos precisar de uma goleira mais alta e uma atacante mais de área. E aquela coisa estranha de ficar pulando sem parar em faltas, escanteio ... sei não.
 pyxis | BHZ | 26-08-19 19h26min
Este negócio é complicado. tenho minha visão sobre futebol feminino que é compartilhada por pouquíssimos...
mas esta das jogadoras ficarem dando pulinhos, me lembra o Fábio (goleiro) dando pulinho na batida de falta dos adversários. É a senha... o gol que tomamos ontem foi deste jeito...
Coisa de técnico SEM NOÇÃO !
 Twitter 

 Notcias   rss
15/05 - 04h28 [0 coment.]
COLAPSO: Ministério Público vê irregularidades além do normal

14/05 - 07h20 [0 coment.]
COLAPSO: Conselheiros avaliarão reformulação do Estatuto

13/05 - 18h31 [0 coment.]
COVID-19: Cruzeiro recebe autorização para retornar aos treinos

13/05 - 08h49 [0 coment.]
COLAPSO: Conselho Fiscal vai demorar a apreciar as contas de 2019

12/05 - 19h35 [0 coment.]
COLAPSO: Conselheiros excluídos terão direito a voto nas eleições

11/05 - 19h39 [0 coment.]
COLAPSO: Chapas para eleições em 21 de maio foram definidas

10/05 - 14h53 [0 coment.]
COLAPSO: Eleição será com cédula de papel e uso de máscara

09/05 - 06h43 [0 coment.]
Evandro anuncia a sua saída da equipe de vôlei do Sada Cruzeiro

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org Desde 1999 - Site Oficial da Torcida - ANO 21 - Contatos para Webmaster