Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notcias   

*** ATENÇÃO - Atualize seus dados e concorra a ingressos para jogos na Toca III ***

 Atualizado em 18-11-18 22h56min  |  Fonte: Cruzeiro.Org (*) |  Qtd Leituras: 246
Cruzeiro enfrenta adversário que está desesperado na competição


América e Cruzeiro protagonizam neste domingo, às 17h, mais um clássico estadual no Independência, em Belo Horizonte. Enquanto os donos da casa buscam pontuar para não entrar na zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o clube celeste espera conquistar a vitória para colar de vez no G6. Ainda que já tenha vaga garantida na Copa Libertadores de 2019, a Raposa espera melhorar sua colocação no torneio de pontos corridos para ter a maior premiação possível no fim da competição.

Na 16ª posição da tabela com 34 pontos, o América poderá ultrapassar até três adversários em caso de vitória no Horto. Para isso, porém, o time de Adilson Batista precisaria aplicar uma goleada histórica no rival mineiro. Já o triunfo simples poderá colocar a equipe alviverde na 15ª colocação. Para isso, o Botafogo não pode vencer o Corinthians, também neste domingo, às 17h, no Engenhão. Se perder, porém, o Coelho poderá amargar até a vice-lanterna da Série A.

O Cruzeiro também terá a chance de dar um salto na tabela. Se vencer o América, o time de Mano Menezes, atual 9º colocado, chegará aos 46 pontos e se igualará a Atlético (6º) e Santos (7º) na classificação. O arquirrival, no entanto, é melhor no número de triunfos (13x11) e no saldo de gols (10x0), ambos critérios de desempate. Já os paulistas têm doze vitórias e dez gols de saldo. Na 8ª posição, o Atlético-PR (com 43 pontos) enfrenta o Internacional às 19h deste domingo, no Beira Rio.

América

Dentro de campo, o América entra sob pressão absoluta. Não só por já ter completado cinco partidas sem vitórias, mas pela insatisfação de seu torcedor. Na última sexta, uma organizada protestou na porta do CT Lanna Drummond e exigiu o resultado positivo contra o Cruzeiro. Com faixas e gritos, eles pediram raça dos jogadores. Para tentar cumprir o objetivo dentro de campo, o Coelho ganhou duas opções ao longo da semana.

Enquanto o meia Matheusinho se recuperou de dores na coxa, o volante Juninho readquiriu a melhor forma física. Ambos, inclusive, deverão ser titulares contra o Cruzeiro. A tendência é que Adilson Batista siga sem escalar uma referência no ataque. Rafael Moura deverá seguir no banco de reservas.

Um dos líderes do elenco, o goleiro João Ricardo ressaltou ao longo da semana a importância da vitória neste domingo. ´Acredito que esse fator possa ser uma força a mais para nós no clássico. Mas empatamos os últimos três jogos em casa e, agora, precisamos ganhar. Ainda temos tudo nas mãos para escapar do rebaixamento. São quatro jogos em casa, e creio que, se fizermos nosso dever de casa, conseguiremos conquistar nosso objetivo`, disse.

Cruzeiro

No Cruzeiro, a expectativa é para embalar no Campeonato Brasileiro depois da vitória por 3 a 1 sobre o Paraná, no último fim de semana, no Mineirão. Para isso, o técnico Mano Menezes prometeu força máxima na formação da equipe. Ele terá o retorno de Thiago Neves, que cumpriu suspensão na última partida, e poderá contar com quase todo o elenco.

As únicas exceções são o zagueiro Murilo, com lesão no ombro, o volante Bruno Silva, com trauma no joelho, e o atacante Sassá, que cumprirá o sexto jogo da suspensão imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O camisa 99 se envolveu em confusão com Mayke, do Palmeiras, no jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil.

Na sexta-feira, Mano Menezes mostrou que conhece do adversário e projetou mais um clássico complicado. ´O América oscilou dentro da competição, mas isso não pertence a nós. Nos últimos jogos no Independência eles encontraram mais dificuldades para pontuar, mas fizeram bons jogos. Conhecemos as características dos times do Adilson e vamos passar aos jogadores. Mas independentemente disso, temos nossa forma de jogar`, projetou.

Casa cheia?

Para empurrar o time, a diretoria do América conta com a participação do torcedor. O clube manteve promoção no valor das entradas para o jogo, com bilhetes comercializados por R$10 até a hora do jogo. A entrada dos sócios Onda Verde acontecerá de acordo com a modalidade do plano, nos portões 3, 4 e 6. No domingo, os 600 primeiros associados que acessarem o Independência ganharão um copo exclusivo do Coelho.


ESTATÍSTICAS DO CONFRONTO

Jogos: 365

Vitórias: 154
Empates: 110
Derrotas: 101
Saldo: 53

Gols marcados: 649
Gols sofridos: 522
Saldo: 127

Partida mais recente (Jogo 365)
Cruzeiro 3 x 1 América MG - 19/jul/2018
Brasileiro 2018
Toca 3 - Belo Horizonte (MG)


CURIOSIDADES

No Brasileiro

Foram 15 confrontos pelo Campeonato Brasileiro, desde 1971, com 5 vitórias do Cruzeiro, 9 empates e 1 vitória do América-MG. O Cruzeiro marcou 23 gols e sofreu 15.

No Independência

Foram 54 confrontos no Mineirão, com 23 vitórias do Cruzeiro, 16 empates e 15 vitórias do América-MG. O Cruzeiro marcou 80 gols e o América-MG 68. No Independência, pelo Brasileiro, houve apenas uma partida entre os adversários, que terminou com vitória de 2 x 0 para o Cruzeiro, em 2016.

Principais Artilheiros

48 gols – Niginho
35 gols – Alcides
28 gols – Ninão
25 gols – Bengala
15 gols – Orlando
13 gols – Guerino
12 gols – Abelardo
11 gols – Palhinha
10 gols – Dirceu Lopes
9 gols – Carlos Alberto, Nogueirinha e Sabú
8 gols – De Arrascaeta e Raimundinho

Em decisões

Cruzeiro e América-MG se enfrentaram em três finais (disputadas por duas equipes). O Cruzeiro foi campeão do Campeonato Mineiro em 1992 e o América-MG venceu as decisões do Campeonato da Cidade, de 1922, e da Copa Sul-Minas, de 2000.

Campeonato da Cidade de 1922
05/11/1922 – América-MG 2 x 1

Campeonato Mineiro de 1992
13/12/1992 – Cruzeiro 3 x 2
20/12/1992 – Cruzeiro 2 x 0

Copa Sul-Minas de 2000
26/02/2000 – América-MG 1 x 0
01/03/2000 – América-MG 2 x 1


FICHA TÉCNICA

AMÉRICA X CRUZEIRO

Motivo: 32ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)

Data e horário: 04/11/2018 (domingo), às 17h
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Bruno Boschilia (FIFA/PR) e Henrique Neu Ribeiro (SC)

América - João Ricardo; Norberto, Messias, Matheus Ferraz e Carlinhos; Leandro Donizete, Zé Ricardo e Juninho; Matheusinho, Giovanni e Luan. Técnico: Adilson Batista.

Cruzeiro - Fábio; Edilson, Dedé, Leo e Egídio; Henrique e Ariel Cabral; Robinho, Thiago Neves e Arrascaeta; Barcos. Técnico: Mano Menezes

(*) Com dados de Cruzeiro Site Oficial e Portal UAI

/elo


Cruzeiro.Org - 25 anos

Comentrios:  Clique aqui e deixe o seu comentrio

 pyxis | BHZ | 04-11-18 09h43min
ainda bem que não tem lógica no futebol...
Se o Cruzeiro não ganhar, vou começar a acreditar que existe algo de muito podre no reino da Dinamarca...
 Twitter 

 Notcias   rss
15/11 - 08h59 [1 coment.]
A pedido da Rede Globo, CBF irá remanejar calendário de estaduais 

15/11 - 08h17 [2 coment.]
Cruzeiro vence Corínthians (SP) com time totalmente modificado 

14/11 - 16h17 [0 coment.]
Cruzeiro deve terceirizar equipe de futebol feminino em 2019 

13/11 - 16h12 [0 coment.]
Cruzeiro tem 15 dos 31 atletas de seu grupo com mais de 100 jogos 

12/11 - 18h53 [0 coment.]
Equipe de atletismo tem final de semana vitorioso Brasil afora 

11/11 - 16h26 [0 coment.]
Os projetos de Itair Machado para o segundo ano de gestão no clube 

10/11 - 16h00 [0 coment.]
Sada Cruzeiro conquista dificil vitória sobre o Maringá na Superliga 

09/11 - 07h02 [0 coment.]
Sada Cruzeiro vence Corínthians em noite inspirada de Le Roux 

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org 1999-2018 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster