Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notcias   

*** Cruzeiro.Org® - Desde 1999 - Site Oficial da Torcida - 20 ANOS ***

 Atualizado em 12-12-19 03h02min  |  Fonte: Cruzeiro.Org (*) |  Qtd Leituras: 672
Cruzeiro perde para o CSA e vê rebaixamento inédito muito perto

A cada rodada que passa, o Cruzeiro se aproxima de um inédito rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro. Um largo passo em direção ao abismo foi dado na noite desta quinta-feira, no complemento da 35ª rodada. Com direito a pênalti desperdiçado pelo meia Thiago Neves, aos 19 minutos do segundo tempo, o time celeste perdeu de maneira surpreendente para o CSA, por 1 a 0, no Mineirão. O zagueiro Alan Costa, aos 42 minutos do primeiro tempo, marcou o gol da surpreendente vitória da equipe alagoana.

Matematicamente, ainda é possível escapar da queda. Afinal, o Cruzeiro soma 36 pontos, em 17º lugar, um a menos que o Ceará, primeiro time fora da zona de rebaixamento. Entretanto, os dois compromissos seguintes acontecerão longe de Belo Horizonte. Na segunda-feira, às 20h, o duelo será contra o Vasco, em São Januário, no Rio de Janeiro. Já na quinta-feira (5/12), às 19h15, a Raposa medirá forças com o Grêmio, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Por fim, no dia 8 de dezembro (domingo), às 16h, a despedida ocorre diante do Palmeiras, no Mineirão.

Já o CSA, que antes da 35ª rodada tinha 99% de chance cair para a segunda divisão, chegou a 32 pontos, quebrou série de cinco derrotas e manteve a remota esperança de permanecer na elite nacional. No domingo, às 18h, o time azulino pegará o Bahia, no estádio Rei Pelé, em Maceió. Depois, visitará a já rebaixada Chapecoense, em Santa Catarina, e encerrará a Série A diante do São Paulo, em Alagoas.


O JOGO

A imprensa não acompanha os treinamentos de Abel Braga no Cruzeiro. Não dá para saber qual treinamento ele aplica para apresentar variações táticas. Certo é que ele resolveu mudar a escalação do revés por 4 a 1 para o Santos, fora de casa, no último sábado. Contra o CSA, manteve o habitual 4-2-3-1, mas com Ezequiel e Pedro Rocha pelas beiradas. Como referência, entrou o experiente Fred. Na defesa, Leo substituiu Fabrício Bruno.

Quando a bola rolou, parecia um repeteco do empate por 0 a 0 com o Avaí, pela 33ª rodada. O Cruzeiro tinha mais volume, com 77% de posse, mas esbarrava na falta de criatividade. Defensores e meio-campistas trocavam passes de um lado para o outro até chegarem ao último terço de campo. A partir dali, a inspiração cessava. Egídio, Pedro Rocha, Orejuela e Ezequiel insistiam em cruzamentos para Fred. Bem postada, a defesa do CSA cortava todos.

Houve lampejos do setor ofensivo cruzeirense. Aos 11’, Fred girou em cima de Alan Costa, porém ficou sem ângulo e fez o passe nas mãos do goleiro Jordi. Aos 18’, Thiago Neves chutou fraquinho, no centro da meta, e o camisa 12 do CSA encaixou. Aos 35’, a Raposa conseguiu sua única boa jogada na etapa inicial. Pedro Rocha tabelou com Thiago Neves e Fred, invadiu a grande área e finalizou ao lado esquerdo.

Até então preocupado exclusivamente em se defender, o CSA conseguiu um escanteio depois de corte bisonho de Pedro Rocha. Na cobrança, Rafinha mandou a bola no segundo pau, Ricardo Bueno cabeceou, e Fábio espalmou. No rebote, o zagueiro Alan Costa, livre de marcação, mandou a bola para as redes. Parecia surreal, mas os visitantes fizeram 1 a 0 e deixaram o Mineirão ainda mais tenso. Aos 46’, os alagoanos desperdiçaram um bom contra-ataque, iniciado por Apodi e concluído com chute de Ricardo Bueno nas mãos de Fábio.

No intervalo, o técnico Abel Braga substituiu Éderson e Fred por Robinho e Joel. A tônica do segundo tempo foi semelhante à do primeiro, com posse de bola constante no ataque e ligeira melhora. Logo no primeiro minuto, em bola espirrada na entrada da área, Ezequiel soltou a bomba e obrigou o goleiro Jordi a se esticar para defender. Aos 11’, Thiago Neves tentou buscar o ângulo em cobrança de falta, e Jordi espalmou à linha de fundo.

Aos 15 minutos, Pedro Rocha invadiu a grande área em velocidade e foi ao chão após contato com o zagueiro Alan Costa. Após consulta ao VAR, o árbitro Vinícius Gonçalves Dias Araújo marcou pênalti. Um dos mais cobrados pelos torcedores, Thiago Neves se encarregou da cobrança. Mas a fase é tão ruim que a finalização foi para fora. Os torcedores, claro, não perdoaram o camisa 10 e o vaiaram bastante no Mineirão.

No lance seguinte ao pênalti, o CSA por pouco não marcou o segundo gol. Rafinha cobrou falta de longe, a bola passou por todo mundo e explodiu na trave direita. O técnico Abel Braga tentou sua última carta na manga com Sassá no lugar de Ezequiel. Aos 27’, ele recebeu bola na grande área, girou em cima da marcação e bateu em cima de Jordi. O goleiro da equipe visitante também evitou as tentativas de Robinho e Pedro Rocha.

O Cruzeiro continuou em cima do CSA, mas de maneira desorganizada. Era na base da força, do abafa, do chuveirinho na área, no bate-rebate. A impaciência do público foi tão grande que alguns torcedores atiraram bombas e sinalizadores no gramado. A arbitragem paralisou a partida entre os minutos 29 e 31 do segundo tempo. Quando tudo se normalizou, mais drama. Joel, de cabeça, exigiu excelente defesa de Jordi, aos 42’. Nem os sete minutos de acréscimo foram suficientes para a reação. No fim, prevaleceram a decepção e o temor daqueles que têm como grande orgulho o fato de o clube jamais ter disputado a Série B em sua história quase centenária.


ATUAÇÕES

Fred some, Thiago Neves pisa na bola e pouco incomodam a defesa do CSA. Henrique é o mais eficiente e fica marcando, praticamente sozinho, no meio e ainda tentou ser um elemento surpresa no ataque, sem sucesso.

Thiago Neves - Contra o Avaí, ele ao menos tentou. Nesta quinta, pouco apareceu. Acostumado a ganhar status de decisivo, chutou para a fora a principal chance do Cruzeiro no jogo: o pênalti, aos 23 minutos. Nota: 2,5

Fred - Mais uma vez jogou muito estático. Participou pouco - quase nada - do jogo. A única jogada efetiva do camisa 9 foi uma escorada para Pedro Rocha, que finalizou rente à trave. No intervalo, deu lugar a Joel. Nota: 3,0

Henrique - É quem mais tem chamado a responsabilidade em meio ao momento ruim. Tecnicamente, pode deixar a desejar, mas é quem mais se entrega, física e taticamente. Com o CSA recuado, achou passes que dificultaram a marcação adversária. Nota: 7,0

As notas do Cruzeiro
Fábio(5,5), Orejuela(4,0), Cacá(5,5), Léo(5,5), Egídio(4,5), Henrique(7,0), Éderson(4,5), Robinho(5,0), Thiago Neves(2,5), Ezequiel(5,5), Sassá(Sem nota), Pedro Rocha(5,5), Fred(3,0), Joel(4,0)


Números totais do confronto
Número de jogos 9
Vitórias do Cruzeiro 6
Empates 1
Derrotas 2
Saldo de vitórias 4
Gols do Cruzeiro 15
Gols de CSA 5
Saldo de gols do Cruzeiro 10
Último jogo considerado
Cruzeiro 0x1 CSA - 28/11/2019



ESTATÍSTICAS DO CONFRONTO

Jogos: 09

Vitórias: 06
Empates: 01
Derrotas: 02
Saldo: 04

Gols marcados: 15
Gols sofridos: 05
Saldo: 10

Partida Anterior (Jogo 08)
CSA 1 x 1 Cruzeiro - 25/ago/2019
Brasileiro
Rei Pelé - Maceió (AL)


CURIOSIDADES

Pelo Brasileiro

As duas equipes se enfrentaram seis vezes pelo Campeonato Brasileiro, com três vitórias do Cruzeiro, um empate e duas vitórias do CSA. A Raposa marcou seis gols e sofreu quatro.

No Mineirão

Cruzeiro e CSA se enfrentaram três vezes em Belo Horizonte, todas elas no Mineirão, com duas vitórias da Raposa e uma derrota, tendo marcado seis gols e sofrido apenas um. Pelo Campeonato Brasileiro no Mineirão foram deois jogos com uma vitória do Cruzeiro por 2 x 0 em 1986 e uma derrota pelo placar mínimo 33 anos depois.

Lei do Ex

Três presentes em campo protagonizaram a lei do Ex. Argel, Nilton e Apodi tiveram passagens pelo Cruzeiro em condições completamente diferentes.

Artilheiro

2 gols – Cleison
1 gol – Dagoberto, Darci Menezes, Diego Souza, Dinei, Ernani, Fred, Hamilton, Júnior Brasília, Marcelo Ramos, Nonato, Ricardo Goulart, Robson e Serginho (1995)


FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 0 X 1 CSA

Motivo: 35ª rodada do Campeonato Brasileiro
Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte
Data: quinta-feira, 28 de novembro de 2019

Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Bruno Salgado Rizo (SP)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Público Pagante: 30.197
Público Presente: 34.290
Renda: R$ 354.764,00

CRUZEIRO - Fábio; Orejuela, Cacá, Leo e Egídio; Henrique e Éderson (Robinho, no intervalo); Ezequiel (Sassá, aos 23min do 2ºT), Thiago Neves e Pedro Rocha; Fred (Joel, no intervalo). Técnico: Abel Braga

CSA - Jordi; Dawhan, Alan Costa, Luciano Castan e Rafinha; João Vitor e Nilton; Jonatan Gómez, Euller (Warley, aos 13min do 2ºT) e Apodi (Bruno Alves, aos 23min do 2ºT); Ricardo Bueno. Técnico: Argel Fucks

Gol: Alan Costa, aos 42 minutos do primeiro tempo (CSA)

Cartões amarelos: Jordi, aos 30min do 1ºT; Jonatan Gómez, aos 12min do 2ºT (CSA)


(*) Com conteúdo de Cruzeiro Site Oficial / Portal UAI

/elo


Cruzeiro.Org - 25 anos

Comentrios:  Clique aqui e deixe o seu comentrio

 pyxis | BHZ | 29-11-19 01h21min
Ainda bem que o David não jogou hoje... claro que o time melhorou muito sem a presença dele... finalizou mais, teve jogadas trabalhadas. Realmente, Davida é um atraso de vida e estava atrapalhando TNeves, Fred, Robinho e outros...
#SQN !!!!
 pyxis | BHZ | 29-11-19 01h23min
Aí vejo torcedores escrevendo e pedindo que jogadores como TNeves, se não jogarem pela honra do Cruzeiro e sua camisa, joguem pela ´honra` deles próprios.
AVISO
Estes caras não sabem o que é HONRA...
 pyxis | BHZ | 29-11-19 01h25min
É impossível avaliar atuações coletivas...Fica a frase de Einstein... é uma IMBECILIDADE querer que as coisas deem certo, repetindo as mesmas coisas erradas.
E torcedor que acredita no ´agora vai`, confiando em Fred, Egídio, TNeves, Robinho, Sassá...
Quando vejo Joel, Sassá e Robinho entrando para mudarem o resultado do jogo, é porque tenho a certeza de que o técnico sabe de P0RR4 NENHUMA.
 pyxis | BHZ | 29-11-19 01h28min
Melhor em campo: Cacá
Pior em campo: Fred
Herói do jogo: NÃO HOUVE!
Vilão do Jogo: TNeves
Minhas notas: Fábio(5), Orejuela(6), Cacá(7), Leo(6), Egídio(4), Henrique(6,5), Éderson(6), Robinho(3), Ezequiel(5), Sassá(3), TNeves(2), Pedro Rocha(5,5), Fred(1), Joel(4). Abel Braga (ZERO).
 mrr | Natal | 29-11-19 06h01min
Acho que vai ter gente culpando o David no banco, é só esperar, rs... Com muita tristeza eu acordo hoje, a sensação é de rebaixamento, não vejo como, mesmo com o AB, o time sair dessa. O buraco está fundo!
 mrr | Natal | 29-11-19 06h02min
Como mudar o time se o treinador coloca suas amizades acima do destino de um clube???
 mrr | Natal | 29-11-19 06h04min
Melhor em campo: Cacá Pior em campo: Fred Herói do jogo: Quem conseguiu assistir até o fim. Vilão do Jogo: TNeves/Abel
 marco | Curitiba | 29-11-19 07h49min
Ontem T. Neves decretou o rebaixamento do Cruzeiro para a segunda divisão. Abel Braga é co-responsável por te-lo mantido sempre como titular no time. 2020 será um ano terrível para nossas finanças já destruídas e corremos o risco até de falir. Não esperava passar por esta tristeza e vergonha neste ano. Grande erro da diretoria ao não manter R. Ceni e apoiar estes jogadores mercenários e sem amor pelo clube. Para mim 2019 acabou esportivamente. Lamentavelmente não creio mais na permanência.
 _vitor | Vitoria | 29-11-19 14h05min
Abel é MUITO RUIM! O que deu na cabeça dele pra começar com o Fred?! E depois com o time precisando virar o jogo, ele vai lá e coloca o Robinho que foi muito mal em todos os jogos que fez sob o comando dele. E ainda deixa o Thiago Neves em campo os 90 minutos.. Cenário desesperador e praticamente irreversível. Espero que o Adilson veja o óbvio e não escale Thiago/Robinho/Fred/Egídio!
 Twitter 

 Notcias   rss
11/12 - 09h12 [1 coment.]
Coletivo de torcedores faz homenagem póstuma com painel de Salomé 

11/12 - 08h08 [1 coment.]
COLAPSO: 3 jogadores do Cruzeiro na ´seleção` de piores do Br´19 

11/12 - 07h21 [2 coment.]
COLAPSO: Zezé Perrella licencia-se da presidência do Conselho 

11/12 - 06h32 [2 coment.]
COLAPSO: Adversários da Série B preocupados com o ´Fator Azul` 

10/12 - 13h14 [4 coment.]
COLAPSO: Associados pedem Assembleia para afastar diretoria 

10/12 - 12h07 [3 coment.]
COLAPSO: Vandalismo gera prejuízo de quase R$ 300 mil para Cruzeiro 

10/12 - 10h24 [3 coment.]
COLAPSO: Tempo de contrato e salários são grande problema em 2020 

10/12 - 08h05 [5 coment.]
Salomé, torcedora-símbolo do Cruzeiro, deixa-nos nesta data 

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org Desde 1999 - Site Oficial da Torcida - 20 ANOS - Contatos para Webmaster